Centro Hospitalar Universitário do Algarve

Da aprendis
Ir para: navegação, pesquisa

Introdução

O Centro Hospitalar do Algarve E.P.E., foi criado a 17 de Maio de 2013, pelo Decreto-lei nº69/2013, no qual resultou a junção do Hospital de Faro e o Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, que englobava o Hospital de Portimão e Hospital de Lagos. A de 23 de Agosto 2017, através do Decreto-lei nº101/2017, passa-se a chamar Centro Hospitalar Universitário do Algarve EPE, onde são transferidas as competências da Administração Regional de Saúde do Algarve IP relativas ao Centro de Medicina Física e de Reabilitação do Sul (CMFRS), Assim, o Centro Hospitalar Universitário do Algarve é atualmente composto por três unidades hospitalares – Faro, Portimão e Lagos e pelo Centro de Medicina Física e de Reabilitação do Sul, tendo à sua responsabilidade a prestação de cuidados de saúde diferenciados na região do Algarve.

Unidades

  • Hospital de Faro
  • Hospital de Lagos
  • Hospital de Portimão
  • Centro de Medicina Física e Reabilitação do Sul

Métodos

Pesquisa no BASE (portal de consulta de contratos públicos) dos contratos realizados entre 2015 e Março de 2018, consulta de relatórios de contas e de acesso a cuidados de saúde referentes aos anos de 2015 e 2016. Analise e tratamento de dados recorrendo a uma ferramenta Business Intelligence denominado Qlik Sense. Contacto direto com o serviços Informáticos do Hospital de Faro EPE.

Resultados

Com o apoio dos serviços informáticos do Hospital de Faro, foi possível fazer o levantamento dos seguintes sistemas informáticos, específicos de diferentes áreas hospitalares.

SistemasInformaticos.png


Thumbnail Graphviz.jpg

Discussão

Pode-se observar que algumas empresas realizam contratos com o Centro Hospitalar anualmente enquanto que outras fecham contratos para um período mais alargado, as empresas que não possuem qualquer valor realizaram contratos antes de 2015, como se pode observar no seguinte gráfico.

Valor anual contratual por empresa.png

Na seguinte tabela são apresentados os valores gastos com cada empresa entre 2015 e março de 2018

Valor anual contratual por empresa tabela.png

Ocorreram uma serie de intercorrências durante a extração de dados BASE, nomeadamente a forma como a informação está organizada não é a mais adequada. Os nomes das empresas variam, podendo alternar entre estar escrito unicamente em minúsculas, maiúsculas ou alternando entre as duas. Assim, foi necessário a atribuição a cada numero de identificação fiscal um nome único que seja usado em todos os registos dessa empresa. Outra situação foi o facto de não haver uma discriminação da finalidade de cada contrato, sendo que no caso de sistemas informáticos eles apareciam com quatro designações diferentes como se pode constatar na figura abaixo.

Tipos de contratos de sistemas de informação.png

Desta forma, foi possível extrair os dados dos contratos realizados sobre os sistemas informáticos, embora sem a certeza que todos esses dados sejam relativos a sistemas informático devido à forma de discriminação do BASE.

Valor anual contratual anual.png

Também foi possível comprovar que a maior parte dos gastos ocorre no inicio de cada ano até ao mês de março, sendo que de seguida os custos baixam exponencialmente até dezembro.

Evolução de gastos mensais por Hospitais entre 2015 e Março 2018.png

Das quatro entidades a que mais despesa apresenta é o Hospital de Faro uma vez que é onde se encontra centralizados todos os serviços de saúde disponíveis na região do Algarve, seguido dos Hospitais de Lagos e de Portimão que apresentam valores semelhantes entre eles. O Centro de Medicina Física e de Reabilitação do Sul apresenta apenas gastos a partir de Novembro de 2017 uma vez que esta entidade passou a fazer parte do Centro Hospitalar desde agosto de 2017 altura que passou a ser Centro Hospitalar Universitário. O seguinte gráfico, demonstra a percentagem de contratos realizada em cada instituição no ano de 2018.

Percentagem de contratos celebrados por hospital em 2018.png

Bibliografia