Certificado Profissional em Tecnologia da Informação e Comunicação em Saúde

Da aprendis
Ir para: navegação, pesquisa
Certificado Profissional em Tecnologia da Informação e Comunicação em Saúde
Sigla cpTICS
Entidade Certificadora Sociedade Brasileira de Informática em Saúde
Localização Geográfica -23° 35' 52", -46° 38' 15"
Website http://sbis.org.br/protics

Objetivo

"O processo de certificação profissional instituído pela Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS) tem o objetivo de reconhecer as competências essenciais deste profissional através da atribuição de um Certificado Profissional em Tecnologia da Informação e Comunicação em Saúde (cpTICS).


Este programa é composto dos seguintes elementos:

  • Definição das capacidades, habilidades e conhecimentos mínimos necessários a um especialista em Informática em Saúde;
  • Instituição e normatização do cpTICS, um certificado profissional ao especialista em Informática em Saúde;
  • Estabelecimento de um sistema de exame para avaliação de candidatos, com a finalidade de concessão do cpTICS;
  • Estabelecimento de um sistema de revalidação periódica dos certificados concedidos."


Regulamentação

"As atividades relacionadas ao cpTICS serão normatizadas, regulamentadas, aplicadas e fiscalizadas pela Diretoria de Educação e Capacitação Profissional da SBIS, através de sua Comissão de Educação.
Cabe a essa comissão elaborar as questões, definir critérios e aplicar um exame público pelo menos uma vez por ano, preferencialmente na mesma data e local do congresso anual da SBIS.


O edital de convocação contendo as regras e instruções para inscrição e realização de cada exame será publicado e divulgado com antecedência mínima de 03 meses de sua realização."


Critérios Mínimos para Participação

"O candidato ao cpTICS deverá atender aos seguintes requisitos:

  • Ser sócio ativo da SBIS quite com suas anuidades;
  • Aceitar e aderir ao Código de Ética Profissional em Informática em Saúde da SBIS;
  • Atender pelo menos um dos seguintes requisitos:
    • Ter pelo menos 03 (três) anos de experiência profissional comprovada em Informática em Saúde e possuir formação superior em cursos de graduação reconhecidos pelo MEC;
    • Possuir certificado de graduação ou pós-graduação em cursos reconhecidos pelo MEC formalmente denominados como INFORMÁTICA EM SAÚDE, INFORMÁTICA MÉDICA, INFORMÁTICA BIOMÉDICA ou equivalente (a ser analisado pela Comissão de Educação da SBIS)".


Exames para Certificação

"Os exames serão constituídos de duas etapas:

1ª Etapa: Habilitação
Análise de títulos e/ou história profissional do candidato, mediante apresentação de certificados e/ou avaliação de seu currículo, os quais deverão ser enviados pelo candidato conforme orientações e cronologia definidas no edital de convocação.


Fase 2: Prova
Os candidatos habilitados na 1ª etapa deverão submeter-se a uma prova escrita de conhecimentos relacionados a saúde, tecnologia, gestão e legislação específica brasileira, em evento presencial.


A prova constará de 100 (cem) questões de múltipla escolha, de acordo com o conteúdo programático.
Serão considerados aprovados os candidatos que obtiverem nota final igual ou superior a 7,0 (70% de acertos)."


Revalidação do Certificado

"O certificado concedido terá validade de três anos. Ao final deste período o profissional poderá se submeter a novo exame ou revalidar o seu certificado através da comprovação de atividades de aprendizado e atualização realizadas no período.
Para a revalidação, o profissional deverá preencher e encaminhar o respectivo formulário de solicitação, disponível para download no website da SBIS, dentro do prazo de validade do certificado, além de efetuar o pagamento da respectiva taxa.


Caberá ao profissional o controle de suas atividades de aprendizado e atualização realizadas ao longo dos três anos, as quais serão quantificadas e pontuadas conforme a tabela abaixo, bem como a apresentação de documentação comprobatória quando solicitada pela SBIS.


Para obter a revalidação o profissional deverá acumular no mínimo 21 pontos no período de três anos, o que lhe proporcionará a emissão do Certificado de Revalidação do cpTICS por um novo período de três anos."


Conteúdo Programático

"A prova será composta de questões relacionadas a saúde, tecnologia, gestão e legislação específica brasileira.


Introdução à Informática em Saúde

  • História e Fundamentos da Informática em Saúde;
  • Conceitos essenciais em sistemas de Informação em Saúde;
  • Desenvolvimento histórico no Brasil e no mundo;
  • Informática em Saúde como área de pesquisa e de ensino;
  • Nomenclaturas e padrões para armazenamento e comunicação na área da Saúde;
  • Ética em informática em saúde;
  • Codificação de diagnósticos e procedimentos;
  • Sistemas CID, UMLS, SNOMED e outros;
  • Padrões de representação e comunicação: DICOM, HL7, openEHR e outros;
  • Fontes de informação em informática em saúde e telemedicina.


Informatização de Organizações de Saúde

  • Princípios básicos e áreas da informatização de organização de instituições de atenção em saúde;
  • Informatização administrativo-financeiras, operacional e clínica: características, objetivos e necessidades;
  • Sistemas ad-hoc e integrados;
  • Sistemas de informatização para consultórios, clínicas, laboratórios e hospitais;
  • Informatização da saúde pública;
  • Subsistemas, Metodologia de implementação e de gestão.


Coleta e Armazenamento de Dados em Medicina

  • Coleta, aquisição e armazenamento de informação em medicina e saúde;
  • Formas de coleta de informação;
  • Anamnese computadorizada;
  • Aquisição automática de dados;
  • Armazenamento de dados: tecnologias de banco de dados na área de saúde;
  • Registro de informações clínicas;
  • O prontuário eletrônico na atenção ambulatorial e hospitalar;
  • Certificação e segurança de informações clinicas;
  • Integração com outros sistemas informatizados;
  • Tecnologias de implementação.


Aquisição, Processamento e Transmissão de Sinais Biológicos e Imagens Médicas

  • A natureza dos dados de sinais fisiológicos e imagens médicas;
  • O sistema de registro de sinais;
  • O canal de registro e seus componentes;
  • Sinais analógicos e digitais;
  • Digitalização de sinais analógicos;
  • Parâmetros;
  • Processamento computadorizado de sinais;
  • Diagnóstico baseado em sinais;
  • A natureza das imagens digitais, processo de digitalização, parâmetros;
  • Os vários tipos de imagens biomédicas, sua utilidade diagnóstica e o funcionamento dos equipamentos;
  • Processamento primário e secundário de imagens;
  • Imagens em 3D e 4D, algoritmos de reconstrução;
  • Tomografia computadorizada;
  • Detecção de bordas;
  • Técnicas baseadas em conhecimento;
  • Armazenamento e transmissão de imagens médicas (PACS).


Telemática e Telecomunicações. Aplicações em Saúde

  • Redes de computadores;
  • Introdução ás telecomunicações;
  • Padrões e protocolos gerais e utilizados em saúde;
  • Aplicações na atenção em saúde;
  • Telemedicina e telessaúde;
  • Modalidades: teleconsulta, telediagnóstico, telemonitoração, teleterapia, segunda opinião a distância;
  • Algumas áreas de aplicação: telerradiologia, telecardiologia, telepsiquiatria;
  • Realidade virtual e telepresença;
  • Redes sem fio;
  • Aplicações de acesso móvel (PDAs e celulares).


Inteligência Artificial e Sistemas de Apoio à Decisão em Saúde

  • Pontos do processo médico onde existem decisões;
  • Teoria básica de decisões e sua implementação em software;
  • Indução, dedução e abdução;
  • História da inteligência artificial e redes neurais, e dos sistemas de decisão em saúde e medicina;
  • Técnicas de implementação;
  • Sistemas de apoio numérico e de acesso à informação;
  • Sistemas baseados em lógica;
  • Sistemas baseados em reconhecimento de padrões;
  • Sistemas baseados em computação coletiva (redes neurais, algoritmos genéticos, etc);
  • Sistemas baseados em raciocínio analógico e em modelos;
  • Áreas de aplicação e estudos de caso;
  • Sistema embebidos.


Aplicações da Informática na Educação e na Pesquisa

  • Tecnologias de informação e comunicação e suas aplicações na educação em ciências da saúde;
  • Áreas de aplicação;
  • Educação mediada por tecnologia;
  • Simulações;
  • Ensino programado;
  • Educação a distância: metodologias baseadas na Internet e na transmissão de áudio e vídeo, videoconferência, broadcasting de áudio e vídeo, satélite;
  • Aplicações do computador na pesquisa médica e de saúde;
  • Sistemas de análise estatística, organização e gestão de pesquisas, pesquisa bibliográfica, produção de textos e gráficos, publicação científica eletrônica.


Tecnologias e Aplicações da Internet em Saúde

  • Tecnologias da Web e Internet;
  • Protocolos HTTP, FTP, IRC, NEWS, etc. e sua implementação sob vários sistemas operacionais;
  • Desenvolvimento histórico geral e das aplicações em saúde;
  • Acesso à informação: portais, bases de dados, bibliografia, etc.;
  • Tecnologias de interatividade e execução distribuída (CGI, Java, Ajax, etc.);
  • Exemplos de aplicação em saúde;
  • Mecanismos de busca;
  • Web 2.0 e suas aplicações em saúde. Metodologias de desenvolvimento para a Web.


Metodologias de Desenvolvimento de Sistemas para a Área da Saúde

  • Metodologias de engenharia de software;
  • Gestão de projetos de desenvolvimento;
  • Ciclo de desenvolvimento e teste para softwares na área de saúde;
  • Fatores humanos e metodologias de implementação no setor saúde;
  • Sistemas operacionais, linguagens de programação e bancos de dados mais utilizados;
  • Segurança e confidencialidade;
  • Avaliação de custo e tempos de desenvolvimento, técnicas de testes, homologação e certificação;
  • Formas de comercialização;
  • Compra x Desenvolvimento;
  • Software aberto."


Mais informação pode ser obtida na página da Certificação.