Caisis

Da aprendis
Revisão das 21h38min de 15 de abril de 2016 por Joana Silva (Discussão | contribs)

Ir para: navegação, pesquisa
Caisis
Sigla Caisis
Designação Caisis
Data de Lançamento 2004
Entidade Criadora Equipa Caisis
Entidade Gestora Equipa Caisis
Versão Atual 6.0/2012
Requisitos Técnicos Linguagem C#, HTML, XML e JavaScript
Tipo de Licenciamento GNU Public License v2.0
Arquitetura Cliente-Servidor
Sistema Operativo Windows
Especialidade Médica Oncologia
Utilizadores Principais Profissionais de Saúde e Pacientes
Função Gerir os dados de pacientes com cancro.

Descrição

Caisis é um sistema clínico de gestão de dados de pacientes com cancro que integra na perfeição a função de pesquisa clínica. É um sistema de código aberto (uma fonte-aberta), ou seja, permite alterações pelas pessoas que acedem ao sistema a qualquer hora e em qualquer lugar. É usado para completar as lacunas entre a prática clínica e a pesquisa clinica.

O objectivo inicial do sistema foi melhorar a qualidade e a precisão dos dados, com o intuito de prestar auxilio aos médicos e outros profissionais de saúde reduzindo assim o tempo e o esforço por parte de cada entidade.

É um sistema distribuído de forma gratuita o que promove bastante a integração científica e permite obter um feedback constante por parte dos vários usuários que utilizam o sistema.

Tal como a aplicação, o seu código também está disponível gratuitamente e pode ser feito o download desde que se seja portador da Licença Pública Geral (GPL) que consiste numa licença de código aberto que foi aprovada pela Open Source Initiavite.

Esta comunidade, Caisis, tem ajustado os seus recurso, a sua visão e a sua usabilidade de forma a criar conjuntos de dados neutros e limpos que permitem melhorar a investigação e pesquisa e ajudar na assistência ao paciente.

A base de dados encontra-se estruturada cronologicamente e em função dos pacientes, em vez de se organizar em função dos protocolos e dos projectos o que permite desta forma gerir dados relativos a várias doenças.

Assim sendo, Caisis, com todas as suas funcionalidades, visa capturar e guardar todo o histórico do paciente, com o intuito de prestar auxílio aos médicos e aos usuários, apresentando interfaces que permitem aumentar o fluxo de trabalho, obtendo os dados a partir do sistema que serão utilizados para as práticas clínicas.

História

É um sistema de pesquisa de dados que foi desenvolvido para apoiar os modelos de previsão em oncologia urológica no Memorial Sloan-Kettering Cancer Center (MSKCC) e foi largamente adoptado em diversos departamentos e em muitas instituições com a finalidade de gerir os dados utilizados em investigações biomédicas para diversas doenças, mas essencialmente focando-se no cancro.

O desenvolvimento deste sistema iniciou-se em 2002 com o objectivo de substituir a base de dados existente no departamento de urologia de MSKCC.

O foco inicial concentrou-se no cancro urológico mas rapidamente se expandiu para os outros tipos de cancro.

Inicialmente o projecto teria outro nome, Valhalla, mas dois anos após a criação denoninou-se de Caisis com a versão 2.0.

Até então o seu desenvolvimento tem sido contínuo e cada vez possui um maior número de utilizadores.

Actualmente a versão disponível é 6.0 que possui uma melhora significativa na interacção com o utilizador e o trabalho tem-se focado no desenvolvimento de formulários electrónico (e-forms).

O sistema foi desenvolvido utilizando o ASP.NET/C# e o Microsoft SQL Server e está disponível gratuitamente para os portadores da Licença Pública Geral (GPL). É escrito essencialmente em C#, HTML e JavaScript e é processado em NET Framework.O Download do sistema pode ser feito a partir da sua página(www.caisis.org).


Componentes/Módulos que formam o sistema

  • Formas Flexíveis para obter os Dados
  • E-forms-fluxo de entrada dos dados
  • Análise dos dados
  • Desenvolvimento e gestão do protocolo
  • Gestão dos modelos/amostras
  • Gestão do Projecto


Características

  • Formulários electrónicos muito flexíveis
  • Resumos da história do paciente ordenados cronologicamente
  • Inclui a combinação entre as actividades práticas e de pesquisa clínica
  • Melhora a qualidade e a eficiência dos dados
  • Visualização configurável para cada doença
  • Auditoria na recolha dos dados
  • Adição rápida de novos dados
  • Vocabulário e padrões configuráveis
  • Integração da documentação clínica
  • Biblioteca que possui vários modelos: para os rins, para a próstata, para o pâncreas, para o fígado, para a bexiga, para o colo-rectal e para a cabeça
  • E-forms - Formulários baseados na web
  • Cria relatórios rapidamente fazendo consultas nos arquivos do sistema
  • Capacidade de exportar os dados para formatos como: Excel e Access
  • Possui integração com o R
  • Tem suporte para gráficos
  • Extensibilidade
  • Elabora relatórios em casos que ocorrem dados ou eventos adversos
  • Possui um interface onde é definido o armazenamento das amostras e onde se encontram os rastreios que incluem detalhes das amostras e os testes que foram feitos
  • Permite verificar a evolução de um projecto enquanto este está a ser criado
  • Permite a gestão integrada dos protocolos
  • Possui ferramentas que permitem a exportação de dados e algoritmos específicos para cada doença
  • Possui recursos de segurança que seguem as directrizes do HIPAA


Requisitos do servidor necessários para a instalação do Hardware/Software

Servidor Web
  • Windows Server 2000 ou superior
  • Microsoft .NET Framework 3.5/4.0
  • IIS 6 ou superior
Base de Dados
  • Microsoft SQL Server 2008++
Requisitos do Cliente
  • Internet Explorer 7+ ou Firefox ou Safari 3+ ou Chrome 12+